Eduardo Paes é condenado pela justiça por não climatizar frota de ônibus

A 8º Vara de Fazenda Pública, condenou o ex-prefeito do Rio, Eduardo Paes e o ex-secretário municipal de transportes Rafael Picciani por não climatizar a frota de ônibus do Município do Rio de Janeiro, no ano passado. Os dois terão que pagar o valor de R$ 200 mil reais, e de quebra, a prefeitura terá de pagar 5 milhões ao Fundo de Direitos Difusos da justiça.

O Ministério Público do Estado do Rio, afirma que os dois gestores citados acima não se esforçaram para o cumprimento das metas. Esta história ainda vai render muito. Podem ter certeza disso. Por favor, deixem os seus comentários!