Secretaria Municipal de Educação quer concurso para Agente Educador ainda este ano

A SME – Secretaria Municipal de Educação divulgou, através do encontro entre a Secretária Talma Romero e representantes conselho de funcionários do CEC – Conselho Escola Comunidade, que solicitará concurso para o cargo de Agente Educador. A secretaria ainda confirmou licitação para a contratação temporária de Agentes Educadores terceirizados (temporários) para trabalharem enquanto o concurso oficial não sair, e a contratação de Controladores de Acesso (porteiros). É uma ótima notícia, pois se trata do cargo mais defasado da SME. Outro detalhe importante: o concurso será na modalidade de nível médio. A Lei 6.323 de 2018 garantiu o enquadramento para o nível citado. Vamos aguardar maiores informações e torcer para o concurso acontecer.

6 comentários em “Secretaria Municipal de Educação quer concurso para Agente Educador ainda este ano”

  1. E o que diz o Secretário Paulo Messina sobre o pagamento do salário correto para quem já está na função?
    Sai convocação, contratação, mas não sai o pagamento. Até quando?

  2. Há um equívoco no comentário do amigo a respeito do nosso eenquadramento à nível médio, pois já foi aprovado e vai se estender a toda categoria de apoio, inclusive as merendeiras. Estamos amparados pela LDB a qual diz que todo cargo de apoio a educação tem de ter nível médio técnico. No nosso caso podemos lutar para conseguir o técnico, o médio é somente a porta de entrada para conseguirmos mais melhorias .
    Sei que estamos ansiosos para recebermos o piso nível médio, mas vamos aguardar que vai sair. Um abraço a todos companheiros. Juntos somos fortes!

  3. Não há equívoco algum.
    A lei não faz qualquer diferença enquanto não for pago o salário correto.
    E me desculpe, mas não creio que um Agente Educador lotado em escola consiga utilizar palavras como “ansiedade” e “aguardar”, quando a categoria está aguardando há quase uma década por um mínimo de dignidade.
    Não existe “juntos somos fortes”.
    Quem atua em escola, nas condições atuais desse cargo, com carência de profissionais provocada pelo desgaste da falta de vontade política, jamais falaria em paciência.
    Não é melhoria, não é ansiedade.
    É necessidade.

  4. Não vou perder meu tempo com você ,já vir que pessoas como você não deveria nem fazer parte da SMERJ. Melhor ,faça o seguinte, ligue para o Senhor prefeito Crívella e obrigue-o a pagar o médio. Você é mais um desunido que nem deveria ser beneficiado ,pois você tem que colocar as mãos no céu que estamos recebendo salário, pior são os faxineiros que nem receberam o décimo terceiro e muito menos seus salários há dois meses. Você deveria voltar a estudar ,porém nem um texto sabe interpretar.