Secretaria Municipal de Educação realiza Censo Presencial na Rede Escolar

Secretaria Municipal de Educação realiza Censo Presencial na Rede Escolar

A Secretaria Municipal de Educação realiza na próxima quarta-feira (19/9) Censo Presencial em todas as 1537 unidades da Rede Pública de Ensino.

 A ação será desenvolvida, de forma inédita, pelos Conselhos Escola Comunidade das escolas com apoio das direções. O objetivo é ter, ao fim do trabalho, uma ‘radiografia’ atual das unidades para desenvolvimento de iniciativas, projetos e políticas para a comunidade escolar.

Para a Secretária Municipal de Educação, Talma Romero Suane, envolvimento direto de professores, alunos, pais e funcionários, todos integrantes dos CECs, no processo vai ao encontro e estimula a prática democrática nas escolas, além de empoderar os Conselhos. “Queremos a participação de todos nesse processo que certamente resultará em caminhos para fazermos uma escola melhor para nossos alunos, professores, funcionários e famílias”.

O processo de recenseamento constará de três etapas: a aplicação de questionário nas unidades pelos CECs; envio e consolidação de dados nas Coordenadorias Regionais de Educação (CREs); recebimento de dados pelo Nível Central para análise técnica.

O censo será realizado durante o horário de funcionamento das escolas, mas sem interferência na rotina estudantil. O questionário a ser aplicado consta de duas pesquisas distintas: dados de caracterização da unidade escolar, como os relativos às equipes de direção, salas, atendimento e turmas e professores, por exemplo; e dados censitários das turmas visitadas através de verificação de registros de classes, verificação de frequência e quantitativo de alunos, entre outros itens.

Através das respostas será possível realizar o fortalecimento de ações voltadas, por exemplo, para a busca ativa de alunos que tenham histórico de faltas contínuas, inclusive com a participação dos próprios integrantes dos CECs. Por conhecerem suas vizinhanças, pais e alunos podem desenvolver importante papel de elo entre famílias com alunos faltosos e as escolas.